quarta-feira, 29 de março de 2017

Sobre a educação


Toda vida é luta, é ascensão,
Não se trata de uma luta de classes, tribos ou povos.
É antes um conflito ferrenho
De si próprio contra o espelho.
Do berço ao túmulo, na tentativa de ser, de poder e do querer,
De nos superamos a nos mesmos,
Nas trilhas de nossas vidas, salas de aula não nos faltavam,
Longínquo, Envolto em sombras.
E o tempo só corria
Esperanças sempre mantivemos,
Ainda que secretas
De ser um dia algo a mais, Do que nos mesmos
E provar a todos que venceríamos.
Hoje nos agarramos a mão que escreve a história
Não somos mais personagens passivos
Ou apenas vaga ideia transitória
Livros, lugares e pessoas chegam através de flash rápidos
E o conhecimento bate as portas de nossas mentes
Para entrar
Conectados, atualizados e informados.
Nos mais altos céus
Chips, circuitos e fusíveis.
Dos mais diferentes níveis
Me trazem Roma, Londres
Aristóteles e Sócrates
Ninguém nunca imaginaria
Que nas palmas de nossa mão
Caberia todo o saber do mundo

Do mais pueril até o mais profundo.

Equipe 1 - Curso de Licenciatura em Historia
Alunos : DYESKA, JACKSON, LUANA, RHAPAEL, MARCIO E  SEBASTIAO.
Curitiba 29/03/2017.

quinta-feira, 23 de março de 2017

Passando por acaso!

Boa noite, 
Se não fosse uma mensagem a alguns dias, provavelmente não teria mais entrado nesse blog.
Motivos: não faltam.
Vontades: quase nada
Então vamos retomar a vida de onde paramos.

Depois da morte de uma colega blogueira eu não entrava muito aqui, ainda lembro dela e de sua luta, mas em algum momento o sentimento de perda foi sumindo e deu espaço a um sentimento melhor, o de ajudar as pessoas.

voltando ao foco...


Acho tão lindo quando os personagens de filmes, antes de se deitar, escrevem em seu blog, que e me pego pensando, o que eu escreveria.
Novamente estou aqui com uma vida totalmente diferente do que tinha.
De anos em anos fui pulando de fase em fase, mas essa atual me parece a mais centrada de todas.
Tenho escolhas, tenho opinião própria, estou estudando, teoricamente uma vida adulta, teoricamente...
Na prática é horrível, gente como é chato ser adulto,muita responsabilidade, e sou obrigada a conviver com isso.
Acredito que vou usar esse "blog" como uma confissão do dia a dia, muitos não leem mesmo, então estou tranquila.
Preciso aprender a me comunicar, a me expressar, não posso mais matar as ideias em minha mente e nem as atitudes contidas.Não quero ser a que sabe tudo, mas faço meu melhor.

Por hoje é só.