domingo, 30 de dezembro de 2007

Que eu não perca

Que eu não perca a vontade de amar, msm sabendo que a pessoa que eu mais amo pode deixar de sentir o msm por mim.E acima de tudo...Que eu jamais me esqueça de viver o Agora intensamente e infinitamente, pois, Isso sera como um pequeno grão de alegria .E esperança dentro do meu coração... Que é capaz de transformar qualquer coisa. Basta apenas eu acreditar nesse amor. Pois a vida é construída nos sonhos.. !!!



sábado, 22 de dezembro de 2007

Muitas vezes me perguntei ...

Muitas vezes me perguntei o porquê de conhecer algumas pessoas.O porquê de amá-las sem igual...sem nada receber em troca,sem conhecê-las profundamente.O porquê de tantas preocupações desnecessárias,desculpas, agrados e muitas vezes lágrimas.Nunca descobri...Mais Sentir que sua presença lhe faz bem e respeitar as qualidades alheias. É amar ao próximo como a si mesmo. Se você procurar entender o porquê TE AMO certamente você, como eu, não achará resposta...AMAR é irracionalmente puro e transpassa a linha do plausível. Te amo .....

Linda ....


terça-feira, 18 de dezembro de 2007

O tempo arrastará tudo, e só ficará as lembranças

Como pode ser possivel... Acabar com as espectativas de quem te ama...

Infelizmente...O tempo arrastará tudo, e só ficará as lembranças

sábado, 15 de dezembro de 2007

Aprender a perdoar

Se eu pudesse provar Que o meu coração Tão sozinho implora Sempre o Seu perdão Preciso de você perto de mim... Queria tanto Te dizer: não olhe pra trás Mas sei que os seus olhos Já não brilham mais Se me esqueceu Estou aqui e sou capaz de te mostrar Que pra ser feliz Vai ter que aprender a perdoar Sem ter medo de recomeçar Acreditar que, enfim, Podemos unir todos corações Ao vivermos juntos Um grande amor

sexta-feira, 14 de dezembro de 2007

O Meu Jeito de Te Amar

O Meu Jeito de Te Amar

Não me leve a mal
Sei que não sou tão legal,
O meu jeito etc. e tal
Mas eu sei, tudo de você

Não me diga não
E mais fácil ter a ilusão,
Um sorriso então
Para ver tudo acontecer

Vale a pena
É o meu jeito de te amar
Todo dia
Quero te reconquistar

Não me diga adeus
Nosso amor não cabe em um adeus,
Quem sabe até lá
Você sabe, onde me encontrar

quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

Hoje eu choro pq a verdade foi dita...


Hoje eu choro pq a verdade foi dita...
A tanto tentei evitar mais não deu ...
Sei que o que sentis por mim vai diminuir...
Não fui sincera, como vc era...

A vida é cretina comigo ...
Sempre achei que encontraria um amor e acabei encontranto ...
Mais não dei valor...
Pq eu sou tão burra em não ver quem realmente me ama ...
independente da distancia ....
O que eu fiz e deixei de fazer sem ao menos lembrar, que vc pensava em mim
Seria uma carta de desabafo mais ..nem isso sei fazer mais ...

Pare não chore mais por mim....
Deixa eu mesma chora por mim....pq nem suas lagrimas em mereço...
Até aqui foi td lindo maravilhoso mais a questão é que sentimento seu...
Talvez eu não tenha mais

Vida maldita , pq não me deixas ser feliz ...pq não te fiz feliz?
Não mereço ...nem se quer um espaço no seu coração e agora nem do mundo ...

Um simples fim sem perdão , um amor jogado em vão ...o que vou fazer agora , sabendo que não quer mais essa historia de amor e ilusão .......

aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa tenho vontade de gritar ....chorarrrrrrr

sem vc não vale a pena nem mesmo viver................

domingo, 9 de dezembro de 2007

DISTANCIA...

Acordei triste, 
o dia parecia menos vivo, 
o sol mais frio, 
as coisas a volta estavam sem a mesma graça de sempre, 
ela não estava ali...

Chorou, 

falou, 
não gritou, 
mas pensou, 
não tinha espaço, 
local, 
horário, 
vontade não faltou, 
ela calou, desligou, 
aí tudo no fim, 
começou, tristeza, prá que? 
chorar, pôr que? gritar, o que? 
ela não sabia, nem ele, 
criou-se o nada, o vazio, 
o sentido, sempre tão presente desapareceu, 
quem escondeu? 
será que foi ela? 
pode ter sido ele? 
ou será que fui eu? 
brigou com quem? 
ninguém? 
loucura, 
paixão, 
aventura, 
mentira? 
verdade? 
sentimento ou vaidade? 
falava-se do que? de amor? 
não! de dor? 
talvez, 
dor de vida, 
dor de dor, 
sentida, profunda, desgastada, 
ou será que estava ferida? 
perguntou, perguntei, 
ela disse: 
o que voce quer? 
gostar ou amar? 
uma especial, ou uma qualquer? u
ma que seja menina? 
ou uma que se faca mulher? 
mulher atraente, 
envolvente, 
que sabe o que quer, 
aparece derrepente, 
entontece, aquece, 
transforma coração frio em coração quente, 
ela é assim, 
faz a vida ter um sentido, 
prá ela, prá ele, e prá mim, 
me agrada, envolve, 
a tudo transforma, 
a dor em amor, 
água fria em água morna, 
não, morna não, 
quando esquenta, 
desperta um vulcão, vulcão forte, 
não há quem suporte, 
uda curso de rio, 
coloca o sul no norte; 
ela é assim, uma flor, 
repete que eu gosto, 
mas parece um beija flor, o
nde toca é logo amada, i
sso eu aposto, 
sentimento, lindo, fazendo, indo, dizendo, 
a fala mansa, meiga, quase sussurrando, 
gostosa em qualquer momento, 
querendo, ficando, a espera do certo, 
estando sempre pôr perto, no universo do tempo, 
se chega, a tudo cala, 
chegou a fada, voando, pairando, levitando, 
sem pó de pir-lim-pim-pim, 
quando tiver que voar, 
avisa, cuidado, 
vou colocar a rede, 
prá pegar voce prá mim, 
vou guardar num vidrinho, 
de cristal, bem fininho,
ficar olhando, fitando, seus olhinhos, 
curiosos, olhando assim, 
pensando que louco de pedra, 
me prendeu prá que? 
eu não posso mais voar, 
será não poderei mais amar, 
pôr certo, cuidado, 
se cair quebra, deixa eu pegar um pouco, 
guardar no coração, mas solto, 
se chorar eu solto, 
nada de tristeza, 
peguei, prá ver de perto tua beleza, 
aprender, cultivar, pra poder, 
distribuir, incentivar, 
mostrar pro ser humano, 
que ainda existe gente que sabe amar,
não sei se é gente pura, 
sei que tem fada na mistura, 
mas tudo na medida certa, 
ela e maravilhosa, 
abra o olho pois é muito esperta, 
consegue dobrar a todos, 
com o jeito de boneca, 
mas as vezes vale a pena, 
deixa ela levar, 
não queira saber prá onde, 
quem sabe ela te leva,
prá algum ponto no horizonte, 
um ponto de luz, 
curte o momento e se ajeita, 
finge que tá dormindo,
de vez em quando espreita,
se voce tiver sorte, 
ela te leva pra fantasia, 
pro amor, pra sensibilidade,
sentimento,
prá felicidade da fábrica onde ela foi feita.

sábado, 1 de dezembro de 2007

Por Um Minuto...Agora Sem Você


...Por um minuto...
...E me senti aquela casa torta com o vento ...
...Ali no meio do temporal do vendaval ...
...Sem recursos , sem Ter um abrigo seguro ...
...Quantas vezes nesse mesmo temporal eu fui o abrigo...
... que VOCÊ se escondeu ...

...Me senti assim simplismente assim ...
...Uma simples casa no meu do vendaval ....
...Depois que já não tinha mais você...

...Agora eu aqui prestes a ser despedaça...
...Com o meu proprio temporal ...
...Vejo medo e destruição em toda parte...

...E, quando tudo parece ter acabado...
...Penso...
...O que pode ser feito para impedir uma grande tragédia...
...Em mim...
...???...


sexta-feira, 30 de novembro de 2007

Confesso.



Já há muito que não me sentia assim,
tão dividida entre os sentimentos bons e os menos bons.

Tenho tentado desesperadamente ultrapassar os maus momentos que temos vivido … Acredita que apesar de não ser fácil e de não se notar grandes diferenças,

tenho mesmo tentado.

Ás vezes sinto já ter ultrapassado os dissabores e que sim, tudo pode voltar ao “normal”.

Mas de repente a mágoa volta, as palavras, as incertezas, os actos …

A minha mente começa a fazer um novo filme que me angustia, com personagens que envolvem muito mais do que nós os dois.

A insegurança tomou conta de mim por completo, a inquietação faz parte do meu dia a dia e o medo de te perder, esse é uma constante…


Confesso.



Aqui, agora Onde tudo é
Inconstante.
Onde a saudade de ti,
Dilacera
O meu coração,
Queima de dor,

A minha alma.

Onde nada mais importa,
Onde ninguém,
Te pode substituir.
A incerteza dos momentos,

Enlouquecem
O mais controlado
Dos sentimentos.
Nada faz sentido
Assim,
Sem ti.
Aqui, agora

Onde a minha existência Continua
A mais incerta De todas As incertezas.

quinta-feira, 29 de novembro de 2007

♥♥♥ Tchau ♥♥♥

Me cansei dos teus desenganos Não entendo a tua fala Nossa casa está vazia Hoje à noite é o meu dia... Nossa vida virou novela E eu não sou nenhum personagem Que se enquadre em teus delírios Quero andar nas ruas e sentir frio No calor, quero estar sozinho... Me cansei das tuas mentiras Eu não quero esse dia-a-dia Não consigo fazer promessas Tenho apenas o que me resta... O teu jeito não me abala Não me sinto bem no teu jogo Vou voar mais alto que as nuvens Entender de vez esse meu vazio Te encontrar prá não ser sozinho... Nosso final, é simples Tchau!..

segunda-feira, 26 de novembro de 2007

♥♥♥Erros♥♥♥

 





















♥Com erros aprendi a não errar mais e não mais a machucar pessoas como fiz no passado "há erros imperdoáveis que tento perdoar... mas como ja disseram (perdoe e será perdoado)"


Muitas vezes tentei arrumar o passado , me esqueçendo do meu proprio futuro ....
sei que pode ser tolice ...mais o que passou , passou ...e não da mais pra voltar ...por isso os bons momento eu gardei ...os maus eu simplismente lancei fora mais não esqueço da experiencia ...que me ensinou a não tentar errar novamente ...




Perdão...

Perdão pelas vezes que não quis
te escutar...estava ausente
em um mundo que fiz,singular....
Perdão quando não fitei teus
olhos e perdí a chance de tudo
desvendar...seus mistérios,encantos,
seu amor...

Perdão se fui arrogante quando
na verdade o desejo era todo meu sentimento
gritar,deixar você me guiar,me prender.

Perdão pelas palavras ditas...não eram elas as certas.
As que você merecia ouvir,egoísta que sou,engolí,
eternizei-as dentro de mim...

Perdão por não ter deixado você sentir
minha emoção...
Ter renegado o fogo que me consumia...
eu era toda paixão...

Perdão por eu te pedir perdão...
É apenas uma forma desesperada
de fazer você voltar...
E novamente me deixar tentar
ressuscitar a mulher que te fascinou...''


quinta-feira, 22 de novembro de 2007

Conheci


Conheci o bem e o mal, o pecado e a virtude, o certo e o errado; Julguei e fui julgado; Passei pelo nascimento e pela morte, pela alegria e pelo sofrimento, pelo céu e pelo inferno; E no final eu reconheci que estou em tudo e que tudo vive em mim !!!

sábado, 17 de novembro de 2007

Há alturas em que o silêncio é o nosso melhor amigo, Quando as palavras não querem sair, os olhos não querem ver e o coração não quer sentir … Todas as emoções tentam-se esconder, guardar. Sinto-me numa fase assim, em que o silêncio é tudo quanto desejo.